A LOTTERIA, O IMPOSTO DO POOR (Parte I)

P>Política hoje em dia é como a lotaria. Vive mais na geração de ilusão do que de riqueza real. Faz-nos sonhar com um futuro esplêndido, mas não nos garante a realização desse futuro
A estratégia do governo com a lotaria é clara, mas passa despercebida pela maioria das pessoas. O segredo é simplesmente tornar a ilusão credível durante algum tempo, por muito improvável que seja, e, tal como as fraldas, trocá-la por outra quando o cheiro é insuportável
Comprar a lotaria é quase sempre um mau investimento, porque a probabilidade real de ganhar é MUITO pequena. Mas isso nada faz para reduzir o consumo da lotaria, porque o que as pessoas compram é ilusão. Esse pouco de sonhar o que se faria com o dinheiro que quase de certeza nunca chega a ter …
Para o Governo, a Lotaria é um negócio redondo: gera uma enorme ilusão e obtém lucros astronómicos. Nem mais nem menos …
Não nos enganemos, com a lotaria quem ganha o jackpot é … o Governo
Então, os meios de comunicação social são responsáveis por dar a mensagem que interessa ao Governo:

VOCÊ TENHA DE COMPRAR LOTTERY, BECAUSE SE NÃO É UM ASH

Isto eu posso corroborar-me. Há uma semana, enquanto eu fazia as minhas compras semanais num hipermercado, o caixa ofereceu-me uma nova lotaria que chegou ao mercado. Respondi, sem pensar: “Não obrigado, nunca compro lotarias”. Tanto o caixa como os clientes que estavam ao meu lado, olharam para mim com uma cara engraçada, como se dissessem “Este tipo não compra lotaria… De que planeta é ele?…”

Com todo o respeito por todos, reafirmo:

A lotaria é a taxa dos pobres
A minha avó, Deus a tenha em descanso, disse:

“A melhor lotaria é a poupança”

Não a compreendi então. Achei estranho.

“Coisas de velhinha”, disse eu… Anos mais tarde percebi que ela tinha razão…

Agora a pergunta é…

p>Quem tem razão, o Governo ou a minha avó?

A resposta, muito em breve na segunda parte deste post
Até ao próximo post!

José Marcelino Pérez

José Marcelino Pérez

p>Quem tem razão, o Governo ou a minha avó?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *