Águas frescas com fruta mexicana, um oásis de sabor

As “aguas frescas” são uma das grandes riquezas da gastronomia do México, há uma grande variedade destas delícias incomparáveis que nos seduzem a apreciar a sua apresentação nas vitrinas, especialmente quando caminhamos pelas ruas num dia quente.

São conhecidas como “aguas frescas” aquelas bebidas preparadas com frutos ou sementes, gelo e açúcar; sendo as mais típicas o limão com chia, horchata, Jamaica e tamarindo, cem por cento sabores mexicanos que as tornam um oásis no meio do calor da primavera e verão.

Abrigado aos produtores de fruta mexicanos, podemos também apreciar laranja fresca, melancia, melão, papaia, sapote, morango, ananás, manga, jobo, goiaba, graviola, maracujá, entre outros; e sabores mais exóticos tais como chilacayota, amêndoa mamã, xoconostle, beterraba, alfafa e cevada.

Como para a produção temos a de limão e chia, contamos: a primeira mais de dois milhões e meio de toneladas, enquanto a segunda pouco mais de três mil toneladas.

Com respeito aos ingredientes para a preparação das águas tradicionais da horchata, Jamaica e tamarindo, temos uma produção nacional total de arroz superior a 265 mil toneladas, aveia cerca de 72 mil toneladas, Jamaica 7 mil 600 toneladas e tamarindo mais de 49 mil 500 toneladas.

Sabia que … Durante o tempo do Porfiriato, as águas doces eram chamadas refrigerantes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *