Classificação dos achados hepáticos de acordo com a escala de Metavir em dois… | Descarregar Diagrama Científico

… Num estudo prospectivo de 131 pacientes, realizado no Hospital Pablo Tobon Uribe em Medellín (Colômbia), a distribuição da frequência mostrou que o sexo masculino atingiu a frequência mais alta com 65,5%, com idade média de 58 anos.1 ano com um intervalo de 17 a 82 anos, onde a etiologia alcoólica atingiu 38%, sendo o principal factor de risco para cirrose, seguido pela etiologia viral em 18%, auto-imunidade em 9,9% e doença hepática gorda não alcoólica em 7,6%; a maioria dos doentes foi pontuada com CHILD B e C em mais de 75% (14); Giraldo et al. (15) num estudo descritivo, caracterizaram epidemiologicamente uma população com cirrose no departamento de Risaralda entre 2009 e 2012; incluíram um total de 100 doentes cuja distribuição por sexo era idêntica a 50%; com uma idade média de 62 anos e uma variação de 16 a 91 anos; 60% pertenciam ao regime contributivo; O álcool era o principal factor etiológico com 35%; o hepatocarcinoma estava presente em 6%, 66% associado ao consumo de álcool, sem associação com infecção pelo vírus da hepatite B e C; observou-se que a causa auto-imune estava a aumentar, sendo a segunda causa, seguida da etiologia viral. Mais tarde Prieto et al, em Bogotá num estudo descritivo transversal em 419 pacientes diagnosticados com cirrose, não mostraram diferenças significativas em termos de sexo, idade média de 63,3 ± 12,2 anos, fígado duro foi o principal achado tanto em homens como em mulheres com 44,3%; de acordo com a classificação Child-Pugh 59,1% CHILD-A, CHILD-B 32,4%, 8,3% CHILD-C; de acordo com a etiologia, a esteato-hepatite não alcoólica foi o principal achado com 25,5%, seguida do álcool 14,8%; em 40,3% foi documentado um quadro clínico de descompensação causado principalmente por ascite (16). …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *