Obesidade monogénica humana: papel do sistema leptina-melanocortina na regulação da ingestão alimentar e do peso corporal em humanos

Abstract

GONZALEZ JIMENEZ, E.; AGUILAR CORDERO, M.J.; PADILLA LOPEZ, C.A. e GARCIA GARCIA GARCIA, I… Obesidade monogénica humana: papel do sistema leptina-melanocortina na regulação da ingestão de alimentos e do peso corporal nos seres humanos. Analisa Sis San Navarra . 2012, vol.35, n.2, pp.285-293. ISSN 1137-6627. http://dx.doi.org/10.4321/S1137-66272012000200010.

A obesidade humana é uma desordem de origem multifactorial que envolve tanto factores genéticos como ambientais. A existência de alterações genéticas que dão origem a obesidades monogénicas é muito interessante para o estudo dos mecanismos que contribuem para o aumento do consumo de energia e da acumulação de gordura no organismo. A maioria dos genes envolvidos na obesidade monogénica estão relacionados com o sistema leptina-melanocortina, daí a importância do seu estudo através de mutações naturais em ratos. Assim, as mutações relacionadas com a obesidade humana monogénica foram descritas na leptina e no seu receptor, proopiomelanocortina e prohormone convertase 1. O objectivo deste trabalho foi proporcionar uma revisão actualizada das principais características e função do sistema leptina-melanocortina, bem como das suas implicações e potencial no processo de regulação da ingestão alimentar e controlo do peso corporal.

Palavras-chave:Obesidade; Leptin; Melanocortinas; Proopiomelanocortin; MC4R.

iv xmlns:xlink=”http://www.w3.org/1999/xlink – resumo em inglês – texto em espanhol – inglês ( pdf )

.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *